Case MadeiraMadeira: O varejo de móveis está preparado para o e-commerce?

Case MadeiraMadeira: O varejo de móveis está preparado para o e-commerce?

25 de janeiro de 2021Categories: Varejo

Compartilhe nas redes!

Compartilhe nas redes!

varejo-moveis-ecommerce

Continuando a dar voz a histórias que inspiram sucesso varejo de móveis, hoje compartilhamos um pouco mais sobre o surgimento e todo processo de inovação por trás da MadeiraMadeira

E-commerce! Movimento que já vinha em ascensão em todo o mundo, o comércio eletrônico vive uma explosão neste ano. Tendo, então, se confirmado como a alternativa mais viável frente aos desafios e mudanças comportamentais provindos da pandemia e do consequente isolamento social. Apesar dos bons números conquistados durante o período, essa adequação exponencial e acelerada revelou uma série de gargalos na cadeia produtiva e de negócios. Levantando, assim, a questão: Estaria o varejo de móveis e artigos para casa no Brasil realmente preparado para esse novo momento?

Para além do quesito tecnologia, entender as transformações nos modelos de gestão, modalidades logísticas, atendimento ao cliente, design, estratégias on-line e off-line, entre outros pontos, é essencial para se reestruturar a presença dos negócios tanto no universo virtual quanto no físico. Para falar mais sobre o assunto, compartilhando a trajetória de obstáculos, muitas conquistas e consolidação da maior plataforma de varejo on-line para casa no País, convidamos Santiago Antoranz Pons, vice-presidente de compras e marcas próprias da MadeiraMadeira, que traz esse case tão relevante em mais uma edição do Webinar Setor Moveleiro.

MadeiraMadeira: Foco no cliente e comunicação alinhada entre a cadeia

Com cerca de 16 milhões de acessos mensais, a loja virtual da MadeiraMadeira se destaca pelo aproveitamento inteligente de seu banco de dados. Possibilitando, assim, não só a adequação de prazos, preços, transporte, meios e linguagem, conforme as preferências e necessidades de seus públicos nas diferentes regiões do Brasil, mas também do desenvolvimento de produtos e ações em sintonia com os fabricantes de móveis.

“O que falta e o que vem funcionando em nosso portfólio? Ao coletarmos informações-chaves de pessoas que acessam e fazem uso de nossa plataforma, podemos compartilhar insights de maneira eficiente e trabalharmos diretamente com a indústria, de modo a ter uma oferta cada vez mais assertiva. O que não só melhora o fluxo em toda a cadeia, como também aumenta o nível de satisfação do consumidor final. Eles, que aliás, estão sempre no centro de tudo o que fazemos”, fala Santiago.

Por isso mesmo, contar com parceiros de negócios que estejam integrados aos processos e propósitos da empresa é essencial. Mantendo-se, então, a eficiência em todos as etapas. “Nosso maior critério de diferenciação hoje é o foco total na satisfação de nossos clientes. Dessa forma, não adianta buscarmos fornecedores apenas por preço ou por prazo. Trata-se de um conjunto de fatores que devem ser somados”, é enfático o vice-presidente de compras e marcas próprias da MadeiraMadeira.

Ele continua: “Sabíamos que observaríamos uma recuperação muito mais rápida do varejo do que da indústria neste segundo semestre. Isso porque, o fabricante depende de muitos mais processos e insumos para alinhar sua produção, que esteve parada por algum tempo. Por isso, manter a comunicação dentro da cadeia, realizando um alinhamento de capacidade de abastecimento entre nossos fornecedores foi essencial para mantermos o melhor ritmo possível em meio a situação que estamos vivendo, que, vale ressaltar, é mundial!”.

Webinar Setor Moveleiro  – Case MadeiraMadeira

Esses, claros, foram apenas alguns dos pontos debatidos durante o bate-papo, que contou com a mediação de Carlos Bessa, CEO da Plataforma Setor Moveleiro, e de Andréa Côrrea Colin, supervisora de marketing e desenvolvimento de produtos da Berneck. Além, claro, da participação de importantes figuras da cadeia moveleira, que enviaram e tiveram suas perguntas respondidas durante a live. 

Confira um pouco mais da história da MadeiraMadeira e de como a empresa vem inserindo o modelo de lojas-conceito (físicas), dropshipping, design colaborativo, omnicanalidade e muito mais no varejo moveleiro – segmento em ascensão, mas ainda resistente às modalidades de compra remota (outro ponto debatido, aliás).

 

Um Comentário

  1. […] logísticas, atendimento ao cliente, design, estratégias on-line e off-line, entre outros pontos, é essencial para se reestruturar a presença dos negócios tanto no universo virtual quanto no fís…. “A Telasul já atua no modelo P1 há mais de uma década. Ou seja, na venda direta para sites de […]

Deixe Um Comentário

  • Categories: Marketing

    Colchões Castor – Chegar aos 60 anos em boa forma não é uma missão simples. Exige jogo de cintura, muita […]

  • Categories: Indústria

    Indústria moveleira – Acompanhando as oscilações no mercado moveleiro nacional, impactado, entre outros motivos, pela instabilidade econômica e a retomada […]

  • Categories: Feiras

    Fornecedor na cadeia moveleira – Enquanto muitos consumidores direcionaram seus recursos para realizar melhorias em suas casas durante os últimos […]

  • Categories: Varejo

Notícias em Destaque

  • Categories: Indústria, Notícias

    Abaixo do desejado desde dezembro de 2019, o nível dos estoques de produtos finais, que atingiu nível crítico no segundo […]

  • Categories: Indústria

    Na semana passada, nós falamos sobre as oportunidades para os móveis brasileiros nos Estados Unidos – clique para ler. Enquanto […]

  • Categories: Indústria

    A produção industrial no Brasil caiu 0,4% na passagem de agosto para setembro deste ano. Esta é a quarta queda […]

Assine
a nossa
Newsletter

    Opinião