Preloader

Novos formatos de exposição abrem calendário moveleiro em 2023

Enquanto grandes eventos no Brasil e no mundo, tais como as Eleições Presidenciais no País, um novo sinal de alerta para a Covid-19, a Guerra na Ucrânia, o descontrole inflacionário e a recessão global, além da Copa do Mundo de Futebol, entre outras questões, continuam atravancando o acesso e a manutenção de diferentes economias, setores industriais e cadeias de abastecimento ao redor do mundo, a indústria moveleira nacional tem a missão de encontrar maneiras inovadoras de recuperar a atenção — e os investimentos — do consumidor brasileiro, reaquecendo a demanda por móveis e colchões a partir do ano que vem.

Busca por inovação que, aliás, vem incentivando novos modelos de vender e comprar também dentro do setor, com cada vez mais organizadores (sindicatos, agências etc.) apresentando formatos alternativos para a exposição de móveis e networking direto com lojistas. Colocando, então,  no holofote as mais recentes apostas em matéria de design, tecnologia, serviços e soluções para tornar o mobiliário não só mais atraente, mas também agregar valor e criar necessidade na ponta da cadeia de consumo. Tudo, claro, dentro do melhor custo-benefício possível. 

Afinal, como bem coloca o presidente do Sima (Sindicato das Indústrias de Móveis de Arapongas), José Lopes Aquino: “Momentos desafiadores exigem criatividade!”. 

Calendário moveleiro em 2023

Home Show Experience – Curitiba (PR)

Abrindo o calendário moveleiro de 2023, portanto, a Home Show Experience ocorre de 17 a 19 de janeiro em Curitiba, capital paranaense. O evento, de realização da Agência E10 Marketing, chega a sua terceira edição reunindo mais de 60 indústrias do sul e do sudeste do País e devendo atrair visitantes de todo o território nacional, com lojistas e profissionais de pelo menos 24 estados brasileiros já tendo confirmado presença.

Como o próprio nome sugere, a Home Show busca ser mais do que um espaço de negócios, um ambiente de interação com relação ao morar e as possibilidades de agregar novas experiências no mercado moveleiro e áreas correlatas. o evento ocorre na tradicional Arena da Baixada, com horário de visitação entre às 13h às 19h da terça-feira (17) à quinta-feira (19).

Mostra de Móveis de Ubá e Região (MG)

Também em sua terceira edição, a Mostra de Móveis de Ubá e Região, em Minas Gerais, ocorre de 24 a 26 de janeiro. Realizada em período intercalado com a Femur (Feira de Móveis de Minas Gerais), a mostra representa a força da indústria moveleira local, que reúne 22 municípios da Zona da Mata, um dos mais importantes polos moveleiros do País. 

Fazem parte do polo: Astolfo Dutra, Cataguases, Divinésia, Dona Euzébia, Dores do Turvo, Goianá, Guarani, Guidoval, Guiricema, Mercês, Piraúba, Rio Novo, Rio Pomba, Rodeiro, São Geraldo, São João Nepomuceno, Senador Firmino, Silveirânia, Tabuleiro, Tocantins, Ubá e Visconde do Rio Branco.

Também esperam-se visitantes das mais diversas regiões do País.

Circuito Paranaense do Mobiliário – Arapongas (PR)

De volta ao sul do Brasil, a segunda edição do Circuito Paranaense do Mobiliário ocorre de 30 de janeiro a 03 de fevereiro de 2023, no segundo maior polo moveleiro do País, em Arapongas. Sob realização do Sima (Sindicato das Indústrias de Móveis de Arapongas), com apoio do Sebrae e do Sistema FIEP, o evento deverá reunir 26 fabricantes de móveis locais, além de diversos lojistas de todo o Brasil, que poderão contar com o total auxílio da organização do evento tanto no deslocamento, seja via aéreo ou terrestre, quanto na acomodação na cidade.

Presidente do Sima, José Lopes Aquino frisou que a experiência da primeira edição tem sido fundamental no aprimoramento de vários detalhes envolvendo o Circuito.

Cada indústria terá área própria para apresentação de seus móveis no Espaço Cedro do Expoara, onde a logística foi pensada em forma de circuito. Oferecendo ao visitante, então, a oportunidade de conhecer todos os expositores. 

O almoço também será servido no local e haverá ainda um happy hour, tudo por conta dos organizadores, que consideram esses momentos igualmente importantes para se fazer negócios e network. 

“Essa é a principal diferença entre o Circuito e as feiras. No Circuito, o foco é 100% nos negócios. Priorizando, assim, a qualidade do atendimento ao visitante”, acrescenta Cláudia Lens, gerente de projeto do Circuito Paranaense do Mobiliário.

Participam da segunda edição do Circuito Paranaense do Mobiliário as seguintes empresas: Albatroz; Caemmun; Colibri; Demóbile; DJ Móveis; Dobuê; Incorplac; Ladd; Línea Brasil; Madetec; Matrix; Mempra; Mobler; Molufan; Moval; Móveis Estrela; Nicioli; Perfan; Phoenix Baby; Poliman; Poquema; QMovi; Simbal; SMP Movelaria; Takei Estofados; e Vila Rica.

Veja também