Preloader

Phygital é o trend topic para móveis

Phygital é o Trend Topic para Móveis

Nos dias atuais, a combinação entre o físico (physical) e o digital (digital) tem moldado o setor moveleiro, criando uma nova tendência conhecida como “Phygital”. Essa fusão tem impulsionado o crescimento das vendas de móveis, integrando o espaço físico das lojas com as plataformas digitais de e-commerce.

O grande desafio do setor moveleiro sempre foi o espaço físico. No entanto, a integração entre os canais físico e digital permite que as lojas reduzam custos ao necessitar de menos espaço físico, ao mesmo tempo em que mantêm um amplo estoque disponível digitalmente.

As tecnologias emergentes estão desempenhando um papel crucial na melhoria da experiência do consumidor, permitindo uma visualização realista dos produtos antes da compra. Por exemplo, a utilização de óculos de realidade virtual (VR) permite que os consumidores visualizem um sofá em várias cores e/ou modelos através da realidade aumentada, proporcionando uma experiência de compra imersiva.

A tendência Phygital no setor moveleiro

Para os lojistas de móveis, uma gama de tecnologias emergentes está disponível para aprimorar a integração entre os domínios físico e digital. A Realidade Aumentada (RA) e a Realidade Virtual (VR) estão na vanguarda, permitindo que os consumidores visualizem móveis em seus próprios espaços ou explorem showrooms virtuais.

As plataformas de e-commerce avançadas agora oferecem análise preditiva e personalização com base em Inteligência Artificial (IA). Dessa forma, é possível recomendar produtos e oferecer uma experiência de compra personalizada. 

As tecnologias de gestão de inventário omnichannel permitem a unificação dos estoques de lojas físicas e online. Dessa forma, proporcionando uma visão clara e em tempo real do inventário, para facilitar a sua gestão.

Os sistemas de gestão de relacionamento com o cliente (CRM) evoluíram para integrar dados de compras online e offline. Como resultado, oferecem insights valiosos sobre o comportamento do consumidor. Por fim, as soluções de pagamento integrado facilitam transações suaves entre os canais físico e digital, garantindo uma jornada de compra agradável.

Estratégias omnichannel no setor de móveis

A implementação de estratégias omnichannel tem permitido a utilização de estoques compartilhados entre diferentes pontos de venda, físicos ou digitais. Esse modelo não apenas aprimora a experiência do cliente, mas também otimiza os custos operacionais. Além disso, proporciona uma possibilidade infinita de gestão de estoques, incluindo a prática de drop shipping em parceria com fornecedores, ampliando ainda mais o leque de produtos disponíveis para os consumidores sem a necessidade de manter um grande inventário físico.

A transição para um modelo de negócio Phigital não é apenas uma tendência, mas uma necessidade para as empresas que desejam permanecer competitivas no mercado atual.

A utilização inteligente da tecnologia pode ser um diferencial importante para proporcionar uma experiência de compra superior, ao mesmo tempo que gerencia de forma eficaz os custos operacionais.

Exemplos globais de integração física e digital

Exemplos práticos deste movimento podem ser vistos globalmente. No Brasil, a recente conversa entre a Tok&Stok e a Mobly destaca a busca pela integração entre o físico e o digital. Este é um esforço para expandir a presença física e digital simultaneamente, criando um modelo de negócio mais robusto e adaptável. 

Na América do Norte, empresas como a Wayfair têm investido pesadamente em tecnologias de realidade aumentada e virtual para melhorar a experiência do consumidor online. Ainda no cenário norte-americano, uma empresa que exemplifica com maestria a integração entre o ambiente físico e o digital é a Restoration Hardware. Especializada em mobiliário de luxo, a companhia tem investido significativamente em showrooms físicos exuberantes conhecidos como “Galerias RH”, onde os consumidores podem experimentar os móveis e decorações em ambientes ricamente projetados –  uma visita obrigatória a todo empresário do segmento.

Paralelamente, a Restoration Hardware tem uma forte presença online com um site interativo e aplicativos que oferecem uma ampla gama de produtos. Isso possibilita que os consumidores façam compras no conforto de suas casas.

Além disso, a empresa tem explorado tecnologias de realidade aumentada para proporcionar aos seus clientes a capacidade de visualizar como os móveis ficariam nos espaços antes de fazer a compra.

Esta harmonização entre o físico e o digital tem sido uma estratégia-chave para a Restoration Hardware. Alinhando, com sucesso, a conveniência do e-commerce com a rica experiência sensorial oferecida em suas lojas físicas. 

O Futuro do setor moveleiro na era phygital

Na Europa, a IKEA tem sido pioneira em oferecer experiências imersivas através de aplicativos de realidade aumentada. Na Ásia, a gigante do e-commerce Alibaba tem estabelecido lojas físicas para proporcionar uma experiência de compra integrada aos consumidores.

O futuro do setor moveleiro está sendo moldado pela fusão do físico com o digital. A integração  entre estes dois domínios não só proporcionará uma melhor experiência ao consumidor, mas também permitirá que as empresas gerenciem seus recursos de forma mais eficaz. E navegar com sucesso pelas demandas do mercado moderno.

Esse artigo foi escrito por:José Biff Netto

Jorge BIFF Netto:
Consultor internacional em gestão empresarial com mais de 20 anos de experiência no setor de móveis e madeira, doutorando e Mestre em Administração de Empresas, especialista em inovação estratégica e internacionalização de empresas. Professor Visitante na Isenberg School Of Business – UMASS.

 

 

Veja também