Realidade Figital: Uma nova forma de comprar e de vender

Realidade Figital: Uma nova forma de comprar e de vender

Compartilhe nas redes!

Compartilhe nas redes!

Se você acompanha a Plataforma Setor Moveleiro há algum tempo, já deve estar familiarizado com o conceito de “Realidade Figital” ou “Phygital”. O assunto não é necessariamente novo, tampouco sua prática. Mas ganhou força no último ano, como uma resposta inteligente às restrições de mobilidade social, abertura do comércio e realizações de eventos durante a pandemia. Trata-se de um modelo híbrido de se viver, trabalhar, comprar, fazer negócios, explorar, se divertir e muito mais, em que as pessoas passam a realizar suas atividades de maneira integrada entre o universo físico e o virtual.

Já bastante utilizado no desenvolvimento de móveis e artigos inteligentes para a casa — a gente escreveu um artigo sobre o tema, veja aqui —, o conceito foi adotado por praticamente todas as grandes feiras moveleiras ao redor do mundo, que trabalham no seu planejamento físico, mas passaram também a oferecer experiências digitais de exibição, rodadas de negócios e ciclo de debates por meio de plataformas virtuais.

Realidade Figital no varejo

E, claro, se o conceito se aplica aos negócios B2B (business to business), imagine o que ele pode fazer pelo varejo. Não é à toa que a Realidade Figital tornou-se uma das principais tendências de consumo em 2021, de acordo com a Euromonitor International. Os consumidores recorrem aos dispositivos com conexão à Internet para manter suas rotinas em meio aos lockdowns. Por meio de tecnologias como videoconferência, aparelhos inteligentes, Realidade Aumentada (RA) e Realidade Virtual (RV), passaram a criar novos hábitos de trabalho, estudo, prática de exercícios, compras e socialização.

Estas ferramentas digitais viabilizaram a Realidade Figital, que mantém os consumidores conectados virtualmente ao mundo exterior apesar da distância física. Enquanto estão impedidos de acessarem muitas das lojas e realizarem a maior parte das atividades que gostavam lá fora, então, devem ser atendidos com a mesma precisão e nível de satisfação em suas casas.

Realidades combinadas impulsionam vendas e viabilizam a coleta de dados

E se a oferta de experiências virtuais nos lares ainda é crucial para impulsionar as vendas e a coleta de dados no mercado. As empresas também poderão integrar processos virtuais nos espaços físicos para transportar o conforto e a segurança do lar para dentro de suas lojas. Isso porque, há um grupo de consumidores que deverá continuar priorizando o distanciamento social mesmo com o fim da pandemia (que esperamos que seja muito em breve!).

Além disso, há um grupo de consumidores, especialmente os mais jovens, que já se tornaram indiferentes à escolha entre atividades presenciais ou virtuais; elas já não mais se distinguem uma da outra. Afinal, com os smartphones cada vez mais completos e a conexão à Internet cada vez mais acessível, eles agora dispõem de ferramentas para realizar suas atividades dentro e fora de casa indistintamente.

REALIDADE FIGITAL 10 TENDÊNCIAS DE CONSUMO 2021 EUROMONITOR INTERNATIONAL SETOR MOVELEIRO

87% dos consumidores possuem um smartphone

Venda de móveis com Realidade Figital

Acompanhando este movimento, empresas tradicionais estão adotando tecnologias de Realidade Figital. Implementando, assim, processos que estimulam os clientes a visitarem o local com segurança, auxiliados por smart gadgets. Sistemas de reservas, códigos QR para catálogo, pagamentos sem contato e provadores virtuais são algumas das estratégias que as empresas vêm implementando para minimizar as interações humanas. Para os estabelecimentos obrigados a fechar as portas temporariamente, aliás, foi essencial integrar o mundo virtual aos espaços físicos para atrair novamente a clientela.

Essas empresas também passam a oferecer novas modalidades de entregas, bem como serviços virtuais que replicam experiências do mundo exterior. As marcas podem prover novas e velhas soluções de maneira readequada tanto de forma presencial quanto virtual, para chegar a um público maior. Oferecendo, assim, serviços como agendamento de consultorias de compras por videoconferência, experiências de exibição em Realidade Virtual e uso de Inteligência Artificial na produção de itens personalizados.

Um bom exemplo no setor moveleiro, que pode ser aplicado tanto no varejo quanto na indústria, são aplicativos de webrooming. Eles permitem com que os clientes tenham uma experiência, mesmo que na esfera virtual, o mais próxima e assertiva possível com o móvel que está pretendendo comprar. Possibilitando avaliar a cor, material, textura e dimensões de maneira realística.

REALIDADE FIGITAL 10 TENDÊNCIAS DE CONSUMO 2021 EUROMONITOR INTERNATIONAL SETOR MOVELEIRO 02

US$ 15,8 bilhões é o total de vendas on-line globais de acessórios pessoais em 2020

Realidade Figital: Perspectivas

Em busca de conveniência e entretenimento, então, os consumidores seguirão seus novos hábitos e participarão cada vez mais de eventos e interações virtuais. Essas ferramentas de Realidade Figital são fatores determinantes nas operações. Integrando, dessa forma, processos virtuais aos locais físicos para que os consumidores se sintam seguros quando voltarem a frequentar estes espaços. Além disso, haverá mais oportunidades para entregar aos consumidores, em suas casas, produtos físicos e serviços virtuais que coletem dados importantes deste público.

Este é o quarto conteúdo de uma série sobre as 10 principais tendências de consumo em 2021, de acordo com estudo levantado pela Euromonitor International, referência mundial no assunto. Continue nos acompanhando!

Siga-nos nas redes sociais!

Deixe Um Comentário

  • Categories: Marketing

    Colchões Castor – Chegar aos 60 anos em boa forma não é uma missão simples. Exige jogo de cintura, muita […]

  • Categories: Indústria

    Indústria moveleira – Acompanhando as oscilações no mercado moveleiro nacional, impactado, entre outros motivos, pela instabilidade econômica e a retomada […]

  • Categories: Feiras

    Fornecedor na cadeia moveleira – Enquanto muitos consumidores direcionaram seus recursos para realizar melhorias em suas casas durante os últimos […]

  • Categories: Varejo

Notícias em Destaque

  • Categories: Indústria, Notícias

    Abaixo do desejado desde dezembro de 2019, o nível dos estoques de produtos finais, que atingiu nível crítico no segundo […]

  • Categories: Indústria

    Na semana passada, nós falamos sobre as oportunidades para os móveis brasileiros nos Estados Unidos – clique para ler. Enquanto […]

  • Categories: Indústria

    A produção industrial no Brasil caiu 0,4% na passagem de agosto para setembro deste ano. Esta é a quarta queda […]

Assine
a nossa
Newsletter

    Opinião