Sustentabilidade no setor moveleiro: o princípio que está na ordem do dia

Sustentabilidade no setor moveleiro: o princípio que está na ordem do dia

26 de maio de 2021Categories: IndústriaTags: , , , ,

Compartilhe nas redes!

Compartilhe nas redes!

Eucatex Sustentabilidade no setor moveleiro interzum @home 2021

A cada dois anos, a cidade de Colônia, na Alemanha, recebe pessoas de todo o mundo para a Interzum. Como falamos na última semana, a feira reúne expositores que apresentam ideias inovadoras em tecnologia, materiais e componentes para o setor moveleiro, além de tendências para a indústria. Sendo, então, uma das mais aguardadas por toda a cadeia do mobiliário. Isso se repetia há mais de seis décadas. Até que em 2021 o evento ganhou um “@home” — uma “sacada” com a junção da expressão “em casa” e o símbolo tão presente no universo virtual —, sendo realizada exclusivamente em formato digital.

Por meio do Interzum Awards, ainda, a organização premia os melhores produtos que se destacam em cada evento. Neste ano, o prêmio chegou a sua 10ª edição. E está exatamente aí o ponto mais importante da feira em 2021. Como revelamos por aqui, a novidade da edição que aconteceu entre os dias 4 e 7 de maio, não ficou só por conta de ser a primeira totalmente digital. O que mais chama a atenção, na verdade, é que o prêmio, pela primeira vez em dez anos, incluiu a sustentabilidade nos seus critérios de classificação.

Esse é um recado contundente. Um forte sinal de que a indústria de todo o mundo precisa colocar a sustentabilidade na ordem do dia. E tornar isso cada vez mais perceptível para quem consome. Ou seja, não basta fazer, é preciso contar o que faz! E pensando nisso que, como prometemos, fomos atrás de explorar as principais soluções encontradas pela indústria moveleira nacional a partir do que foi apresentado na interzum @home.

Sustentabilidade no setor moveleiro em pauta

No formato digital, o evento exibiu vários fornecedores e eventos com propostas ecologicamente corretas, já que muitos debatem a proteção climática e os efeitos que seus produtos acarretam ao planeta. Paralelamente, profissionais de diversas áreas trouxeram para o debate as tendências com foco em saúde, neoecologia, conectividade, arquitetura e design no novo ambiente de trabalho. Questões que vão influenciar o desenvolvimento de novos materiais e produtos para os próximos anos.

Na prática (com produtos já sendo efetivamente fabricados) ou na teoria (pesquisas e estudos que vão resultar em produtos no futuro) o que já se sabe é que os desafios para o uso de matérias-primas sustentáveis e a segurança têm um impacto direto sobre o design do mobiliário de hoje e do amanhã. Além da busca por desenvolver soluções que tragam segurança, higiene e proteção contra infecções, porém, as indústrias devem repensar processos para reduzir o impacto no planeta e nas mudanças climáticas.

Sustentabilidade no setor moveleiro na prática

Eucatex Sustentabilidade no setor moveleiro interzum @home 2021

Fotografias da Unidade Florestal, Fazenda Santa Irene, Itatinga (SP)

Dessa forma, transportando a conversa do evento da Europa para a cadeia produtiva de móveis no Brasil, podemos destacar pontos muito positivos: o primeiro é o uso da madeira como material renovável e reciclável, além de biodegradável. A Eucatex, que, assim como seus parceiros, considera a Interzum a mais importante feira de fornecedores de matérias-primas para móveis, é uma das fornecedoras de painéis para o mercado brasileiro que se mostra totalmente alinhada às principais preocupações da organização e dos participantes do evento neste ano.

Um aspecto de extrema importância a ser destacado em relação à principal matéria-prima utilizada pela Eucatex se refere ao fato de que tanto as florestas renováveis como as áreas de vegetação nativa contribuem para o sequestro de carbono na atmosfera e, como resultado, liberam oxigênio, essencial à sobrevivência das espécies.

O manejo florestal realizado de forma adequada — mantendo e preservando as áreas de vegetação nativa, bem como cultivando florestas plantadas sustentáveis e de alta produtividade – colabora para criar o estoque de carbono, auxiliando na preservação do meio ambiente e na mitigação dos efeitos das mudanças climáticas, tema caro aos dias atuais. Como os produtos da marca são à base de madeira, contribuem, então, para a manutenção do estoque de carbono, evitando que ele retorne ao meio ambiente. Além disso, o móvel de madeira estoca carbono. Tem, portanto, um papel de relevância no alívio das mudanças climáticas.

Biologia e tecnologia, higiene e segurança

A interzum @home reforçou o uso de materiais ecologicamente corretos, como os laminados feitos com polipropileno 100% reciclados, assim como fitas de borda com uso de material reciclado. Fortalecendo, ainda, a importância do uso do painel de madeira renovável. Outra inovação está nos materiais inteligentes, os chamados green smart materials, pensados em função do uso de componentes de origem natural, que integram biologia e tecnologia.

Assim, um segundo aspecto está nos fatores higiene e segurança, cada vez mais exigidos para garantir tranquilidade aos usuários. O evento destacou a importância dos revestimentos antibacterianos para superfícies de móveis: aditivo que higieniza a superfície, como forma de se proteger do vírus, por meio de adição de novos componentes ao processo de fabricação. A luz, ou sistemas de iluminação, também teve destaque no combate a bactérias, fungos e mofo.

Os painéis da Eucatex, aliás, já possuem uma proteção exclusiva: a Bacterban® é uma proteção antibactericida aplicada na superfície dos produtos com revestimento melamínico BP, como no MDP Perffect, e também nos acabamentos em Lacca. É a solução mais eficaz contra a proliferação de fungos e bactérias, mantendo a superfície limpa por mais tempo.

E o Brasil? 

Eucatex Sustentabilidade no setor moveleiro interzum @home 2021

Padrão BP Raízes – Nórdico

Inspirados nas tendências evidenciadas na Interzum em sua versão digital, podemos, então, refletir como serão abordadas as práticas que as empresas fabricantes devem manter, intensificar e/ou adotar para garantir a sustentabilidade no setor moveleiro e do planeta como um todo. Atendendo, assim, às exigências do consumidor de móveis, ao trazer novos atributos para o design.

Todos esses aspectos são altamente relevantes, tanto para o mercado interno como para o externo. Daí ser igualmente importante comunicar, de forma eficiente, que os produtos MDP e MDF da Eucatex já possuem algumas dessas características. Sob alguns aspectos, o Brasil está sim em consonância com os países mais desenvolvidos do mundo, incluindo a sustentabilidade no setor moveleiro.

Siga-nos nas redes sociais!

Deixe Um Comentário

  • Categories: Marketing

    Colchões Castor – Chegar aos 60 anos em boa forma não é uma missão simples. Exige jogo de cintura, muita […]

  • Categories: Indústria

    Indústria moveleira – Acompanhando as oscilações no mercado moveleiro nacional, impactado, entre outros motivos, pela instabilidade econômica e a retomada […]

  • Categories: Feiras

    Fornecedor na cadeia moveleira – Enquanto muitos consumidores direcionaram seus recursos para realizar melhorias em suas casas durante os últimos […]

  • Categories: Varejo

Notícias em Destaque

  • Categories: Indústria, Notícias

    Abaixo do desejado desde dezembro de 2019, o nível dos estoques de produtos finais, que atingiu nível crítico no segundo […]

  • Categories: Indústria

    Na semana passada, nós falamos sobre as oportunidades para os móveis brasileiros nos Estados Unidos – clique para ler. Enquanto […]

  • Categories: Indústria

    A produção industrial no Brasil caiu 0,4% na passagem de agosto para setembro deste ano. Esta é a quarta queda […]

Assine
a nossa
Newsletter

    Opinião